Páginas

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

Festa por nada

Romain Grosjean, a bordo da Lotus - que liderou dois dias de testes em
Barcelona: favorita? Menos, bem menos! (foto: divulgação)
Muitos me perguntaram estes dias porque eu ainda não escrevi nada sobre os testes da Fórmula 1.

Bom, em primeiro lugar, teste só é válido para quem está in loco, para saber o que as equipes levam para a pista, afinal, os testes são o período onde o maior número de experimentos são feitos nos carros. Quem está de fora se guia pelo que é publicado pelas equipes, pilotos, engenheiros e agências de notícias.

Isso leva, de imediato, ao segundo ponto: pra quê escrever e jogar confetes em cima de quem lidera um teste de pré-temporada? Nunca se sabe o que as equipes estão testando; a Williams, por exemplo, de uns anos pra cá sempre foca em resistência e durabilidade, então seus tempos são bem acima da concorrência. O que não significa que o carro seja ruim, pelo contrário. E a própria equipe já cansou de ser "campeã dos testes de inverno", especialmente entre 2005 e 2009. Bom, na pista a gente viu aonde a equipe foi parar.

"Rodrigo, a Ferrari fez um carro bom". Só por causa dos testes? O que dá pra perceber de todos esses dias andando em Jerez de la Frontera e em Barcelona é que o novo bólido vermelho é bem rápido, isso não temos mais dúvidas. Mas será que é resistente? Como se sairá quando todas as equipes estiverem com o mesmo objetivo na cabeça, ou seja, todas querendo ser rápidas?

Será que Sebastian Vettel e Kimi Raikkonen irão se destacar tanto? A curto prazo eu não creio.

A mesma coisa da Sauber (rápida demais) e da McLaren (lenta demais). Embora se saiba desde o ano passado que a Honda está com problemas, não dá pra levar a sério - ainda - as previsões pessimistas de Fernando Alonso e Jenson Button. E nem mesmo o otimismo em excesso de Marcus Ericsson e Felipe Nasr com o carro da equipe suíça.

Ao final dos testes poderemos fazer um panorama bem completo sobre o que esperar de cada equipe e o que cada uma delas focou nesse período. Por enquanto, é puro achismo de todos - eu incluso.

Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google+ Adicionar ao Tumblr Adicionar ao Linkedin Adicionar ao Blogger Adicionar ao Wordpress Enviar por e-mail Imprimir

Nenhum comentário:

Postar um comentário

OBS: Comentários anônimos serão excluídos. Para inserir o seu nome, basta clicar em "Nome/URL". Não é necessário preencher o campo URL caso não tenha!

No lugar do nome, podem colocar o Twitter, o e-mail ou o site pessoal. Mas não pode ficar anônimo!