Páginas

segunda-feira, 16 de junho de 2014

Argolas, de novo!

Mais uma vez no topo: ninguém segura a Audi! (foto: theguardian.co.uk)
Já tá virando um mantra, estilo "certezas da vida". Uma é a morte. A outra é que a Audi sempre é favorita a vencer em Le Mans.

Ontem não foi diferente. Pela 13ª vez em 15 anos, o carro a receber a bandeirada tem o famoso logotipo das quatro argolas prateadas na carenagem. Mais uma vez o trio Andre Lotterer / Benoit Treluyer / Marcel Fassler sobe no lugar mais alto do pódio.

O campeão de 2013, Tom Kristensen, ficou em segundo. Desta vez, acompanhado de Lucas Di Grassi (que repete o segundo lugar de José Carlos Pace, em 1973) e Marc Gené, que correu no lugar de Loic Duval, que se acidentou nos treinos.

Lucas di Grassi (entre Tom Kristensen e Marc Gené) feliz da
vida com o segundo lugar! (foto: Facebook do piloto)
Fora a vencedora, o que dizer de bom da corrida? Que pela primeira vez as rivais andaram no mesmo ritmo. A Toyota, que fez a pole, impôs um brilhante ritmo de corrida e venceria, não fosse o problema elétrico no carro #7, no derradeiro minuto da 14ª hora.

A Porsche sofreu desde o início com os mais variados "pepinos" e o maior deles aconteceu há pouco mais de quatro horas para o fim, com o carro #20, que àquela altura era pilotado por Mark Webber.

Para 2015, portanto, a expectativa é de muito equilíbrio entre as três - mais a Nissan, que estreará na LMP1.

Na LMP2, vitória da Zytek, com o trio Simon Dolan / Harry Tincknell / Oliver Turvey. Eles superaram a Ligier nas horas finais de prova e garantiram um triunfo até então impensável. Ainda mais se levarmos em conta que Oliver Turvey foi chamado às pressas para o lugar de Marc Gené.

Eles tentaram. Foram mais rápidos. Mas não foi desta vez
que a Toyota triunfou! (foto: divulgação)
A GTE-Pro coroou, mais uma vez, a AF Corse. Giancarlo Fisichella / Gianmaria Bruni / Toni Vilander venceram após uma batalha épica contra Corvette, Aston Martin e Porsche. O segundo lugar, brilhantemente, ficou para a montadora americana, com Jan Magnussen / Antonio Garcia / Jordan Taylor. Fora do pódio na Pro, coube à Aston Martin o triunfo na GTE-Am, com o trio Kristian Poulsen / David Heinemeier-Hansson / Nicki Thiim.

Veja o resultado completo clicando aqui.

O Mundial de Endurance continua. Dada a importância inegável da lendária prova francesa, restam cinco provas: Austin, Fuji, Shanghai, Sakhir e Interlagos. A Toyota segue muito bem, dado seu desempenho neste fim de semana, para conquistar o título da temporada.

Mas quando se fala em Le Mans, não adianta subestimar: a Audi sempre é favorita!

Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google+ Adicionar ao Tumblr Adicionar ao Linkedin Adicionar ao Blogger Adicionar ao Wordpress Enviar por e-mail Imprimir

Nenhum comentário:

Postar um comentário

OBS: Comentários anônimos serão excluídos. Para inserir o seu nome, basta clicar em "Nome/URL". Não é necessário preencher o campo URL caso não tenha!

No lugar do nome, podem colocar o Twitter, o e-mail ou o site pessoal. Mas não pode ficar anônimo!