Páginas

domingo, 30 de junho de 2013

Corrida mítica

Valentino Rossi comemora vitória: depois de três anos, enfim, o lugar mais
alto do pódio! (foto: motogp.com)
Tudo o que gostamos de uma corrida aconteceu em Assen, pela sétima etapa da MotoGP.

A prova teve um grid, de certa forma, embaralhado. Teve momentos de heroísmo. Teve muita ultrapassagem. E teve Valentino Rossi vencendo após três anos. Desde o GP da Malásia, em 2010, que o heptacampeão não sabia o que era uma vitória.

A corrida foi um caso à parte. Largando em quarto, o italiano da Yamaha teve a paciência necessária para superar, um a um, seus adversários. Carl Crutchlow, que era o pole, caiu para quinto, enquanto Daniel Pedrosa, o quinto, saltou para a dianteira, seguido por Marc Marquez e Stefan Bradl. Rossi era o quarto.

Na metade da corrida, Rossi superou Pedrosa e se mandou na ponta. O espanhol, líder do campeonato, ainda perderia a vaga no pódio após as ultrapassagens de Marquez e Crutchlow. O novato companheiro de equipe ainda buscou uma reação, mas no final teve que se preocupar, mesmo, com o inglês da Tech3, que quase fez um strike na última volta, ao errar depois que o espanhol nº 93 também errou na última volta.

Jorge Lorenzo chora abraçado à equipe, após superar a dor
e chegar em quinto! (foto: motogp.com)
E o momento de heroísmo? Coube a Jorge Lorenzo. Ele, que foi tão criticado em Jerez de la Frontera pelo chororô na disputa com Marc Marquez, hoje merece ser alçado à condição de gênio, definitivamente. O atual campeão passa a ocupar, a partir de agora, um espaço que tem, entre muitos grandes nomes, alguns como Valentino Rossi, Alexandre Barros e Casey Stoner.

O espanhol da Yamaha superou a dor de uma clavícula quebrada e recém-operada para, mesmo largando em 12º, completar a prova em quinto e, ao chegar aos boxes, ser OVACIONADO por todos no autódromo holandês.

Nas outras categorias, basicamente o esperado: grandes disputas. Pol Espargaró superou Scott Redding na Moto2 e Luis Salom bateu Maverick Viñales na última volta da Moto3.

Com a vitória, Valentino Rossi mantém-se em quinto no campeonato, mas com 85 pontos. O líder, Daniel Pedrosa, tem 136 pontos, seguido por Jorge Lorenzo (127) e Marc Marquez (113). Na Moto2, o ponteiro é Scott Redding, 30 pontos à frente de Pol Espargaró (134 x 104). Na Moto3, Luis Salom tem 10 pontos de vantagem sobre Maverick Viñales: 152 x 142. Eric Granado é o 20º, com sete pontos.

A próxima prova será no dia 14 de julho, em Sachsenring, na Alemanha. Outro circuito que exige demais do talento dos pilotos. Caberá mais uma vitória para Valentino Rossi??

Nunca duvide de um heptacampeão!!

Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google+ Adicionar ao Tumblr Adicionar ao Linkedin Adicionar ao Blogger Adicionar ao Wordpress Enviar por e-mail Imprimir

Nenhum comentário:

Postar um comentário

OBS: Comentários anônimos serão excluídos. Para inserir o seu nome, basta clicar em "Nome/URL". Não é necessário preencher o campo URL caso não tenha!

No lugar do nome, podem colocar o Twitter, o e-mail ou o site pessoal. Mas não pode ficar anônimo!