Páginas

segunda-feira, 20 de maio de 2013

Conquistas superestimadas

Corinthians campeão paulista. E daí? Era melhor ainda estar na
Libertadores! (foto: Thiago Bernardes / Folhapress)
Ontem foi dia de definição na maioria dos estaduais. Mas vou focar em dois exemplos: Atlético-MG e Corinthians, campeões mineiro e paulista, respectivamente.

Um foi eliminado na última semana da Libertadores. O outro não ganha um título importante há 42 anos. E ambos comemoraram os estaduais de forma efusiva. Até quando vale a pena valorizar um campeonato que só existe por teimosia das federações?

Atlético-MG campeão mineiro. Mas se perder a Libertadores,
ninguém lembrará! (foto: Paulo Fonseca / Futura Press)
As principais críticas vêm do fato, principalmente do lado paulista, de que o elenco não é tão novo assim. E aí faltou, segundo os críticos, preparo físico para encarar o Boca Juniors nas oitavas. Concordo. Em nenhum momento (tirando as pataquadas e erros de Carlos Amarilla) o time mostrou o vigor de 2012. E parte disso vai para a conta do técnico Tite, que se esgoelou para ganhar o Paulistão. Para quê??

Só para constar no currículo?

Ele que se vire agora para garantir uma vaga na competição sul-americana em 2014, seja através do Brasileirão ou ganhando a Copa do Brasil! Porque um elenco caro como é o do - ainda - atual campeão do mundo não pode se dar ao luxo de somente disputar estadual e nacional.

A mesma coisa vale para o Galo. O time foi o melhor na primeira fase, trucidou o São Paulo, vai enfrentar o Tijuana nas quartas, mas a torcida vai esquecer o título estadual em caso de fracasso continental. Não é o caso de abandonar o Brasileirão, mas de definir a Libertadores como prioridade, caso precise poupar alguém.

Portanto, parabéns a ambos pelo título. Mas esqueçam o estadual. Todo charme, um dia, é esquecido em nome de focos maiores.

Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google+ Adicionar ao Tumblr Adicionar ao Linkedin Adicionar ao Blogger Adicionar ao Wordpress Enviar por e-mail Imprimir

Um comentário:

  1. Perfeito.

    Título superestimado. Tenho certeza de que o corintiano trocava o caneco do Paulistão pela classificação contra o Boca.

    Espero que os dirigentes da FPF reformulem o Paulistinha.


    Beijos, Rô.


    Fernanda Salgado

    ResponderExcluir

OBS: Comentários anônimos serão excluídos. Para inserir o seu nome, basta clicar em "Nome/URL". Não é necessário preencher o campo URL caso não tenha!

No lugar do nome, podem colocar o Twitter, o e-mail ou o site pessoal. Mas não pode ficar anônimo!