Páginas

quinta-feira, 2 de maio de 2013

Chopp em Wembley

Bayern e Borússia se enfrentam. Agora, o duelo vale o título de melhor
do continente! (foto: AP)
Deu a lógica, ainda que com 50% de sofrimento.

Bayern de Munique e Borússia Dortmund farão a final da UEFA Champions League 2012/2013 no dia 25 de maio, no estádio de Wembley, em Londres. É a primeira vez que dois times alemães se enfrentam valendo o título.

Quando os confrontos foram definidos, a grande maioria dos apaixonados por futebol cravou que a final seria entre os gigantes espanhóis, o que já era intitulado como "o jogo do século". Bom, vai ficar para a próxima, pois as partidas de ida mostraram ao mundo que o futebol alemão está em alta.

Por pouco o Real Madrid não se classificou. Melhor para o
Borússia! (foto: Mike Hewitt / Getty Images)
Se o Bayern fez o que quis com o Barcelona, em Munique, o gol solitário marcado pelo Real Madrid na derrota por 4 a 1 em Dortmund deu uma sobrevida ao time merengue.

A primeira partida da volta aconteceu em Madrid. Diante de um Santiago Bernabeu que não se calou em nenhum momento, o eneacampeão continental e tricampeão mundial se impôs. Chegou perto de conseguir o placar que precisava, mas acabou vencendo por "apenas" 2 a 0 e foi eliminado por um gol.

Já o Bayern... bom, o que se viu no Camp Nou foi um trucidamento. sem Messi, machucado, o Barcelona mostrou sua fragilidade e em nada lembrou a equipe que fez história em 2011. O toque de bola, tão valorizado e temido pelos adversários, foi anulado pela marcação sob pressão dos alemães. Além, é claro, do condicionamento físico da equipe de Munique, que atordoou o time espanhol.

O resultado foi um incontestável 3 a 0, que colocou o Bayern na final pela terceira vez em quatro anos.
A tônica da semifinal. O Bayern atordoou o Barcelona!
(foto: AFP)
Derrotado em 2010 pela Internazionale (merecido) e em 2012 pelo Chelsea (injusto), ninguém quer saber do terceiro vice. Já o Borússia, que volta a uma final depois de 16 anos, quer repetir o feito de 1997, quando foi também campeão do mundo, vencendo o Cruzeiro.

E pensar que, nas oitavas de final, o Bayern quase foi eliminado em casa pelo Arsenal... e que o Borússia por pouco não perdeu a vaga para o Málaga...

Assim é o futebol: vive de ciclos. Em 2000 tivemos final espanhola; em 2003, italiana; em 2008, inglesa. Chegou a hora dos alemães mostrarem que mandam no continente.

Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google+ Adicionar ao Tumblr Adicionar ao Linkedin Adicionar ao Blogger Adicionar ao Wordpress Enviar por e-mail Imprimir

Nenhum comentário:

Postar um comentário

OBS: Comentários anônimos serão excluídos. Para inserir o seu nome, basta clicar em "Nome/URL". Não é necessário preencher o campo URL caso não tenha!

No lugar do nome, podem colocar o Twitter, o e-mail ou o site pessoal. Mas não pode ficar anônimo!