Páginas

terça-feira, 16 de abril de 2013

Sexta marcha

Interlagos corre risco? Menos. Porém, a reforma precisa ser feita com
urgência. (foto: divulgação / Prefeitura de São Paulo)
Já que ontem fui impossibilitado de escrever, devido a um torcicolo que ainda me assola (com menos dor, é verdade), segue um resumo do que aconteceu no fim de semana esportivo:

1- Bernie Ecclestone aprontou mais uma confusão diante dos brasileiros apaixonados por velocidade, ao dizer que Interlagos vai deixar o calendário em 2014. "Rodrigo, todo ano ele fala isso". Verdade. Tudo bem, uma hora a paciência acaba. Mas duvido que a prova saia do Brasil. A Globo paga - e muito caro - pelos direitos de transmissão. Não deixaria a etapa ir embora jamais. Porém, pelo sim, pelo não, já passou da hora do circuito paulistano receber uma mega reforma FUNCIONAL, que atenda todas as exigências e aproveite o espaço vazio com obras benéficas à população.

Alguém viu Fernando Alonso na prova? (foto: Reuters)
2- Fernando Alonso passeou na China. Não imaginei que fosse possível, mas o pneu Pirelli, milagrosamente, durou bem no carro do espanhol, que sentou a bota e venceu com autoridade, mostrando que ainda é o bi-campeão que todos conhecem.

3- Poucos são os pilotos, na história, que são capazes de levantar uma equipe. Lewis Hamilton está fazendo isso com a Mercedes. O resultado é o segundo pódio consecutivo na temporada para o campeão de 2008. Contrariando as previsões iniciais, a Mercedes vem sim para disputar o título.

4- Felipe Massa foi uma das decepções desta prova. Em nada lembrou o piloto que andou bem na Austrália. A outra foi a Red Bull. Além de não andar nada com Sebastian Vettel, ainda deixou Mark Webber na mão. Sujeira das grossas, pior do que o Flávio Briatore fez com Jarno Trulli, em 2004, na Renault.

5- Quem segura a Volkswagen no Mundial de Rali? Sebastian Ogier venceu a terceira consecutiva, no rali de Portugal, e disparou na dianteira do campeonato. A montadora alemã voltou em alto estilo.

6- As 6 horas de Silverstone foram do jeito que o automaníaco gosta: emoção do início ao fim. A Audi fez dobradinha, mostrando que a pole da Toyota foi só fogo de palha. Uma disputa sensacional entre os dois carros prateados, SEM PROTEÇÃO NEM JOGO DE EQUIPE A NINGUÉM, e um show de Allan McNish, que descontou quase 30 segundos e venceu. Para o Brasil, tudo ótimo. Antônio Pizzônia (LMP2) e Bruno Senna (GTE Pro), foram parte importante dos trios vencedores nas respectivas categorias. O sobrinho de Ayrton, aliás, deu um show de competência ao segurar seu Aston Martin nº 97 durante oito voltas, com pneu slick, em uma pista parcialmente molhada. Cadê o Mika Salo para falar mal, agora?

7- Rio de Janeiro campeão no vôlei masculino (RJX) e feminino (Unilever). Começaram as piadinhas bairristas. Normal, afinal, é a primeira vez que o estado conquista a dobradinha na Superliga. Porém, não se iludam. O Sada/Cruzeiro seguirá lutando pelos títulos no masculino e o Sollys/Osasco, atual campeão do mundo, no feminino. Bom para o país. Em tempo: quando é que o Bernardinho parará de protecionismo na seleção e convocará o Lorena??
Rivaldo lamenta o seu primeiro rebaixamento. O São Caetano
sucumbiu no Paulistão. (foto: José Luis Silva / Futura Press)

8- Guarani e São Caetano rebaixados. Quem diria. Quanto ao Bugre, infelizmente, virou rotina nos últimos anos. O campeão brasileiro de 1978 precisa de uma chacoalhada geral para se reerguer. Já o Azulão, tudo isso é fruto do descaso da prefeitura da cidade, depois da morte do Serginho, em 2004. Uma pena.

9- Ou o São Paulo vence o Atlético-MG amanhã ou o primeiro semestre terá ido por água abaixo. E digo que a situação será muito difícil. Afinal, o Galo sabe que enfrentará, nas oitavas de final, um adversário do próprio grupo. Está nas mãos deles o destino de São Paulo e The Strongest.

10- Enquanto o Palmeiras comemora a classificação, Grêmio e Fluminense não podem pensar em tropeços na última rodada. Gastaram horrores para estarem nessa situação, de não poder perder jamais. Planejamento é isso aí.

Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google+ Adicionar ao Tumblr Adicionar ao Linkedin Adicionar ao Blogger Adicionar ao Wordpress Enviar por e-mail Imprimir

Nenhum comentário:

Postar um comentário

OBS: Comentários anônimos serão excluídos. Para inserir o seu nome, basta clicar em "Nome/URL". Não é necessário preencher o campo URL caso não tenha!

No lugar do nome, podem colocar o Twitter, o e-mail ou o site pessoal. Mas não pode ficar anônimo!