Páginas

sexta-feira, 22 de junho de 2012

A dois passos do paraíso

Foi sofrido, foi difícil. Mas é assim que a torcida gosta!
Finalista da Libertadores pela primeira vez!!
Foram mais 90 minutos. Mas pareciam 900.

A ansiedade pré-jogo se estendeu à partida. Corinthians e Santos protagonizaram um jogaço, digno de suas tradições. O time praiano, precisando vencer. A favor do alvinegro paulistano, o fato de não ter levado gol em casa.

E só dá Santos. O início da partida deixa ambas as torcidas apavoradas. Chances para os dois lados. Até que... gol do Santos. Primeiro gol sofrido em casa. A torcida corinthiana congela, mas o time, surpreendentemente, não se desespera. Toca a bola, gasta o tempo e repõe o ânimo no intervalo.

Ninguém quer pensar na possibilidade dos pênaltis. Especialmente os donos da casa. Ninguém se esquece do Marcelinho, em 2000...

Começa o segundo tempo. E a certeza viria aos dois minutos: a partida seria decidida no tempo normal. Gol do Corinthians!! O Pacaembu explode de alegria e tensão. Porque, a partir dali, só se via o time de azul atacando.

Para sorte dos alvinegros da Capital, sem muita objetividade, porque Ganso e Neymar, mais uma vez, fizeram uma partida bem aquém das suas reais capacidades.

Os minutos que se seguiam pareciam horas para os corinthianos; pareciam segundos para os santistas.

Vem o apito final. E com ela, uma festa parecida com a da conquista do Mundial de Clubes, em 2000. Pela primeira vez, o Corinthians está na final da Libertadores. A tão sonhada, desejada e cobiçada Libertadores. Aquela competição que falta, e que faz o clube ser motivo de chacota pelos rivais.

Os mesmos rivais que não perdoaram e começaram as zoações nas redes sociais. Os alvinegros respondiam. E nesse clima de "o Boca Juniors é Brasil" que o Corinthians parte para tentar repetir os feitos de Santos (1962), Cruzeiro (1976), Flamengo (1981), Grêmio (1983) e Vasco (1998): ser campeão em sua primeira final. A América do Sul vai parar.

E que venham os argentinos!

Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google+ Adicionar ao Tumblr Adicionar ao Linkedin Adicionar ao Blogger Adicionar ao Wordpress Enviar por e-mail Imprimir

7 comentários:

  1. Aaaaaaaaahhhhhhhhhhh meu TIMÃO!!!! Me deu frio na barriga de ler o post Roli... Depois do gol do Corinthians fiquei tensa, nervosa, rezando para eles segurarem o jogo até o final... E só de pensar no próximo jogo já me da uma ansiedade terrível, um nervosismo q nunca senti... Inexplicável! Nem no meu TCC fiquei tão nervosa... Corinthians minha vida, meu amooooooooorrrr!!!
    VAI CORINTHIANS!!!! PORRAAAAAAAAAAAAAAAA!!!

    ResponderExcluir
  2. FOI LINDO, FOI TENSO, MUITO COMPLICADO, MAIS CORINTHIANS E ASSIM!!!!!

    ResponderExcluir
  3. Vai Corinthians!!! Essa é nossa e ninguém tira!

    ResponderExcluir
  4. VAI CORINTHIAAAAAAAAAAAAAANNNNNNNNNNNNNNSSSSSSSSSSSSSSSSSSSS!!!

    ResponderExcluir
  5. pô... tu falou q eu ia xingar e discordar de tudo.
    mesmo sendo santista não dá pra discordar de fatos. o Santos tinha tudo pra passar se continuasse com a pegada do 1º tempo. mesmo com o gol de vcs dava pra buscar o 2 x 1. mas aí depois do empate parou...
    classificação merecida pro time que jogou melhor 3/4 do jogo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hehehehehehe... ainda bem que voce sabe que eu gosto de zuar também.

      Assino embaixo sobre os 3/4 do jogo. Mas ainda acho que o Santos pecou por não ter entrado mais focado. Em suma: já estava com a cabeça na final!

      Excluir
  6. Inexplicável, eu aqui do outro lado do mundo, assisto quase todos jogos pela internet, muita emoção, só quem é sabe o que é torçer para o Corinthians um sentimento inexplicável, não encontro palavras pra falar o q é o Corinthians, AMOR ETERNO, TE AMO CORINTHIANSSSSSSSS

    ResponderExcluir

OBS: Comentários anônimos serão excluídos. Para inserir o seu nome, basta clicar em "Nome/URL". Não é necessário preencher o campo URL caso não tenha!

No lugar do nome, podem colocar o Twitter, o e-mail ou o site pessoal. Mas não pode ficar anônimo!