Páginas

segunda-feira, 21 de maio de 2012

De que vale tudo isso?

Não. Eu não vou falar da música do Roberto Carlos. Mas é só para mostrar que a primeira rodada do Campeonato Brasileiro (devidamente chamado de Brasileirão Petrobrás) não serve de base para prever nada.

Os paulistas saíram da rodada inicial sem vencer. A Ponte Preta deu um azar desgraçado de levar um gol aos 45 minutos do segundo tempo e, assim, perder para o Atlético-MG. Palmeiras e Portuguesa ficaram no empate, assim como o Santos contra o Bahia, no dilúvio de Pituaçu.

Corinthians e São Paulo foram derrotados, mas há uma enorme diferença nisso.

No Pacaembu, tanto o alvinegro paulista quanto o Fluminense colocaram um time "mistura de B com C", ou seja, muitos nem são reservas normalmente. O 1 a 0 a favor do Tricolor carioca foi ótimo para mostrar que a molecada fluminense é ligeiramente melhor que a paulista. Mas sem motivos para pânico.

Quem deve temer algo é o São Paulo que levou a virada do Botafogo (venceu o primeiro tempo por 1 a 0), levando quatro gols (um deles em falha bisonha da zaga paulista), sendo três deles de Herrera - que mitou ao não pedir música para o Fantástico, o que provocou revolta entre alguns e festa para outros - e não mostrou nenhum poder de reação. Emerson Leão começa a se preocupar, pois o tricampeão mundial começou o Brasileirão deixando uma péssima impressão para sua torcida.

Ainda há tempo para reação? Óbvio que sim. Mas não pode transformar essa primeira rodada em crise.

No mais, destaque para Figueirense (que venceu o Náutico), Internacional (2 a 0 sobre o Coritiba) e para o árbitro de Cruzeiro x Atlético-GO, Péricles Bassols, que expulsou justamente o atacante cruzeirense Anselmo Ramón, após este xingar um dos assistentes de todos os nomes possíveis.

Em uma época onde a arbitragem é omissa quanto à indisciplina dos atletas, este é um bom exemplo para as próximas rodadas.

Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Google+ Adicionar ao Tumblr Adicionar ao Linkedin Adicionar ao Blogger Adicionar ao Wordpress Enviar por e-mail Imprimir

Nenhum comentário:

Postar um comentário

OBS: Comentários anônimos serão excluídos. Para inserir o seu nome, basta clicar em "Nome/URL". Não é necessário preencher o campo URL caso não tenha!

No lugar do nome, podem colocar o Twitter, o e-mail ou o site pessoal. Mas não pode ficar anônimo!